0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Offline Ricardo

  • *
  • Moderador Global
  • Aprendiz de Mestre
  • *****
  • Mensagens: 712
  • Sexo: Masculino
Os signos e as amizades
« em: Março 03, 2018, 11:47:44 »
Como são os signos em relação à amizade?

Carneiro
Como em tudo que faz, Carneiro faz amizades muito rapidamente. Espontâneo, directo, se aproxima com facilidade das pessoas e estabelece relacionamentos imediatamente. Mas tem dificuldade em cultivar as relações e elas costumam se desfazer passadas as primeiras semanas de entusiasmo. “Queima” rapidamente os sentimentos que nutre pelas pessoas. Não investe a mesma energia para mantê-los, o que lhe garante muitos conhecidos e poucos amigos. A sua tendência à agressividade, impulsividade e franqueza tendem a causar dificuldades. As brigas são muito comuns ­ mas raramente são definitivas e não costumam provocar rancor no adversário devido ao modo autêntico e directo com o qual lida com as desavenças. Igualmente é capaz de lutar por um amigo ­ e muitas vezes “empresta” a sua energia e coragem para ajudá-lo enfrentar situações de desafio. A autonomia é uma fundamental característica que faz com que conserve a independência nos seus laços de amizade. De algum modo só faz o quer e do seu jeito. Possui um espírito bastante individualista.

CARNEIRO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que os seus amigos enfrentem os desafios, tenham atitudes de coragem, se afirmem, corram atrás do que querem, decidam por si mesmos. Muitas vezes os incentiva a terem autonomia e a serem independentes. Assim tende a beneficiar a coragem e amenizar o sentimento de impotência ou de fraqueza dos seus amigos.

TOURO
Fidelidade e constância são conceitos chave deste signo. Com fortes noções de estabilidade e permanência, Touro mantém sólidos e duradouros laços de amizade. A sua companhia geralmente transmite conforto e clima de intimidade. Costuma proteger os amigos e acolhê-los proporcionando grande sensação de segurança . Valoriza as demonstrações físicas e materiais de afeto. Assim, precisa estar com os amigos, gosta de abraçar, tocar, beijar, e também dar e receber presentes, pequenas e constantes delicadezas. Regido por Vénus, planeta do amor, da beleza, da sedução e do prazer, Touro sabe atrair e cativar. A sua tendência a possessividade, no entanto, costuma causar dificuldades. Muito apegado ao que possui, por vezes um amigo torna-se uma espécie de “pertence pessoal” que não deseja dividir com ninguém. Certa teimosia aliada ao comodismo podem fazê-lo recusar-se a renovar seu círculo de amizades sob qualquer circunstância.

TOURO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos cuidem da sua segurança material, para que construam suas vidas em bases sólidas. Os incentiva “a colocar a mão na massa”, os ajuda a saber o valor das coisas e costuma lhes dar boas dicas sobre como manter o que possuem. Assim, tende a beneficiar o conforto e amenizar a sensação de insegurança dos seus amigos.

GEMEOS
Comunicativo e extrovertido, especialista em conversar e trocar idéias, Gémeos têm assunto com toda a gente. A sua lista de amigos é enorme! É eclético e versátil, mas prefere estar com pessoas joviais e de atitudes informais. Se interessa por quem lhe traga informações, lhe instigue a mente. Os amigos têm a função essencial de “conectá-lo” com tudo o que ocorre à sua volta. Gosta de se movimentar em grupo, andar em bando, ou pelo menos com um companheiro ao lado, ­ aquele famoso irmão gémeo do mito associado a este signo. As escolhas de amizades são mais mentais do que afetivas. Não concebe uma amizade onde não haja “noites”, saídas e alguma dose de programação cultural. A instabilidade e constantes mudanças de interesse costuma lhe causar dificuldades. Possui um espírito realmente inconstante.

GEMEOS DÁ A MAIOR FORÇA:
Incentivam os seus amigos para que circulem, busquem as informações, “fiquem espertos”. Incentiva a actividade mental daqueles que o cercam, ajudando-os a desenvolver a capacidade de fazer ligações e associações entre ideias ou pessoas. Assim, tende a beneficiar os contactos e amenizar a sensação de isolamento dos seus amigos.

CARANGUEJO
Tende a desenvolver relações de parentesco com os amigos. Eles acabam por ser parte da família. Adora o sentimento de intimidade, de pertencimento. A sua concepção de amizade inclui fortemente a idéia de apoio e proteção. Busca segurança e amparo. Costuma ver a casa de um amigo como um segundo lar para onde pode se mudar de “mala e bagagens” quando se sente de algum modo carente. Mas também tem o costume de abrigar os amigos, de quase de “adoptá-los”, excedendo-se em cuidados e preocupações, provendo-os com o que for necessário. Caranguejo tem um forte vínculo com o passado e preza demais as suas memórias ­, costuma “colecionar” amigos de infância. É com os “velhos” amigos, relembrando os “bons tempos” que ele costuma “recarregar as baterias”. A sua memória não permite que perca a sensação de intimidade com alguém por mais tempo que passe sem encontrá-lo. O seu excesso de sentimentalismo pode causar dificuldades, fazendo com que às vezes ultrapasse algumas fronteiras pertinentes às amizades.

CARANGUEJO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos cuidem da sua vida sentimental, “ouçam” as suas emoções, busquem o bem-estar afetivo. Costuma incentivar os seus vínculos amorosos e qualquer situação que os faça sentirem-se acolhidos. Assim, tende a beneficiar o bem-estar interno e a amenizar a sensação de desamparo dos seus amigos.

LEÃO
A admiração, valorização e orgulho são ingredientes fundamentais da personalidade de Leão. Desse modo, costuma-se ver o leonino como figura central, prioritária e admirada pelo grupo. Mas também é possível vê-lo admirando, reverenciando e demonstrando um orgulho “coruja” dos seus amigos. Leão não suporta a idéia de ser apenas mais um entre outros. E sabe como ninguém fazer o outro sentir-se, por sua vez, especial. Costuma despertar o que há de melhor nas pessoas e a apostar nisso, encorajando, elogiando e exaltando as qualidades daqueles que admira e ama. Mas tende a ser passional e exclusivista, exigindo doses elevadíssimas de atenção e dedicação. A lealdade é outra questão central nas amizades de Leão. A sua visão optimista e quase inocente da vida, faz com que se dê por inteiro, de coração aberto. Por isso, uma atitude desleal ou mesquinha é uma séria ofensa, uma grande decepção. A pessoa cai totalmente no seu descrédito, dificilmente terá uma segunda chance.

LEÃO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos se apaixonem, estejam bem com a vida, comemorem, acreditem em si mesmos e vejam o seu próprio lado nas situações. Costumam incentivar suas qualidades e exaltar os sucessos. Assim, tende a beneficiar a auto-estima e amenizar o sentimento de inadequação dos seus amigos.

VIRGEM
Crítico e detalhista, Virgem costuma selecionar muito as suas amizades. Com o olhar aguçado para ver os menores defeitos, costuma apontá-los, muitas vezes com o objectivo de consertar o que está errado. Virgem busca a perfeição e também pretende levar os amigos a alcançá-la. Não faz questão de conhecer pessoas ou aumentar seu (restrito) círculo de amizade. Isso lhe permite escolher e avaliar bastante antes de tornar-se amigo de alguém. A menos que você precise de uma análise realística, crua e minuciosa da situação, não é bom com dramas e novelas. Virgem não costuma “tapar o sol com a peneira”, lida com as coisas de modo muito funcional e concreto. Mas é dotado de um espírito extremamente prestativo. É o tipo de amigo que organiza a festa para você, lava a louça quando os convidados vão embora, digita a sua tese e o acompanha nas “visitas de hospital”. Jeitoso e habilidoso, costuma colocar os seus talentos ao dispor daqueles de quem gosta. Em última instância, estes gestos são o único modo que Virgem encontra para demonstrar seu afecto.

VIRGEM DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos tenham hábitos saudáveis, mantenham um esquema de vida organizado, sejam precavidos, sejam pessoas úteis que sabem fazer as coisas funcionar. Costumam incentivar seus amigos a manterem-se ocupados, e também estimular sua capacidade crítica diante do que lhes acontece. Assim, tende a beneficiar a capacidade de organização e a amenizar a sensação de confusão e impotência dos seus amigos.

BALANÇA
Balança tem um sentido inato de respeito pelo outro e detesta ser inconveniente. Dotado de um senso inato de parceria, sabe perfeitamente que uma das regras básicas da convivência é ser capaz de ceder e levar em consideração o que o outro deseja. Assim, não costuma impor as suas vontades e usa o máximo de gentileza e ponderação nos seus relacionamentos. Muito agradável, Balança mantém conversas com facilidade, dificilmente dá “um furo” ou causa algum tipo de constrangimento; costuma fazer uma “bela figura”. É realmente muito talentoso na arte de se relacionar. Mas não é o melhor amigo para ajudá-lo a resolver um dilema, geralmente vê os dois lados de todas as situações e acaba dificultando as decisões. Também não prima pela sinceridade ou espontaneidade, as suas opiniões nem sempre são as mais verdadeiras. Ele tem pavor de ser indelicado! Costuma marcar mais de um programa ao mesmo tempo, cria laços de dependência com os amigos, quer satisfazer a todos e muitas vezes faz sacrifícios por dificuldade de dizer que não quer ir a determinado lugar.

BALANÇA DÁ A MAIOR FORÇA: Incentiva os amigos a verem o lado do outro, a aprenderem a ceder, a serem ponderados e a pensarem duas vezes antes de agir. Assim, tende a beneficiar o bom-senso e a amenizar as situações de confronto dos seus amigos.

ESCORPIÃO
Intenso, passional e radical, Escorpião costuma amar ou odiar. E quando escolhe alguém como amigo, vale a lei do “8 ou 80″, não há meio-termo. Será amigo em todas situações, principalmente nas mais difíceis, pois é dotado de uma espécie de talento para as crises. Detesta a superficialidade, assim, costuma “penetrar” na vida dos amigos e exigir total dedicação e fidelidade absoluta. Sentir-se excluído de algum momento importante da vida de um amigo é uma ofensa imperdoável que geralmente é punida com a “eliminação” da pessoa. É um severo juiz pronto para proferir “sentenças de morte”. Costuma exercer uma espécie de poder nas amizades que faz com que se torne imprescindível e insubstituível. O seu forte caráter e magnetismo causa uma espécie de impacto na vida daqueles com quem convive. Não se deve tentar enganar um Escorpião, ele tem o olhar e os sentidos treinados para ver o que está escondido por trás de uma atitude ou de uma intenção.

ESCORPIÃO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos invistam tudo naquilo que desejam e que não tenham medo de ir até o fim. Também os incentiva a não terem uma postura inocente diante das situações, a não contarem com as coisas como dadas e a jamais se fiarem nas aparências. Assim, tende a beneficiar o poder interno e a amenizar o medo e desespero nos momentos de crise dos amigos.

SAGITÁRIO
Optimista, extrovertido e positivo, costuma ter um amplo círculo de amizades. Conhece pessoas com muita facilidade e sente necessidade de estar cercado de gente de todo tipo e de todos os lugares. Ampliar os horizontes, expandir-se, é a meta de Sagitário, e é isso que busca nas amizades. A sua necessidade de ir sempre mais adiante e seu horror à estagnação costumam torná-lo inconstante, causando insegurança em quem convive com eles. Não é um amigo com o qual se conte nas horas difíceis, pois ele detesta ter que lidar com o lado mais pesado e problemático da vida. Mas com certeza é um super amigo para “levantar o astral” fazendo qualquer um acreditar que as coisas vão dar certo. O saber e o conhecimento são valores sagitarianos que podem levá-lo a se destacar no grupo, mas também podem torná-lo uma espécie de “dono da verdade” intolerante. Porém, os seus julgamentos costumam ser justos. De qualquer modo, a sua companhia geralmente é muito estimulante e proporciona muitos momentos de prazer, revelando o lado mais grandioso da vida.

SAGITÁRIO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos se aventurem, viagem, ampliem seus conhecimentos, busquem se expandir, sejam destemidos, não paralizem diante dos obstáculos. Incentiva nos seus amigos as atitudes grandiosas e os estimula a buscar as soluções, a ver a vida pelo lado positivo e ter “fé” nas possibilidades que ela oferece. Assim, tende a beneficiar o entusiasmo e o prazer de viver e a amenizar o pessimismo dos seus amigos.

CAPRICÓRNIO
Como tudo na vida, Capricórnio leva suas amizades muito à sério. A responsabilidade, a firmeza e a consistência são marcas capricornianas. Valorizando a qualidade e a solidez, costuma ter poucos e bons amigos. Reservado e discreto, detesta se expor. Não costuma fazer perguntas ou comentários sobre a vida íntima dos amigos, mas também demora muito tempo para abrir qualquer coisa da sua própria vida para alguém. Não adianta forçar a porta para entrar na sua intimidade, ele a mantém bem fechada e costuma usar a seriedade e racionalidade como chave. Mas se depois do “teste de qualidade” ele resolve tornar-se seu amigo, essa amizade será duradoura e madura, sem flutuações. Capricórnio leva muito em consideração a lealdade e fidelidade e costuma praticar o princípio do ” não faças ao outro o que não gostarias que fizessem a ti”. Em assuntos materiais costuma ser muito rigoroso, é provável que não lhe empreste dinheiro, mas pode ter certeza que também jamais lhe pedirá emprestado. Não é um amigo para “frescuras” ou sentimentalismos excessivos, também não é dado a demonstrações de afecto. Mas pode contar com ele nas horas difíceis, ele terá soluções razoáveis, práticas, objetivas e ­viáveis a oferecer.

CAPRICÓRNIO DÁ A MAIOR FORÇA:
Costuma incentivar a carreira de seus amigos, estimulando a responsabilidade, a disciplina, as atitudes práticas e objetivas. Também os ajuda a aprender a se “se segurar nas suas próprias pernas”, sabendo as suas capacidades e os seus limites. Assim, tende a beneficiar a estruturação e a amenizar a vulnerabilidade e sensação de incompetência de seus amigos.

AQUÁRIO
O mais livre, o mais desapegado, o mais independente dos signos do zodíaco. É conhecido como o signo da amizade porque este é o tipo de relação que mais se encaixa no seu modo de conceber a vida.  Norteia-se pelo princípio da igualdade de direitos e é um verdadeiro adorador da liberdade. Detesta qualquer tipo de controle ou exigência. Compromissos, hora marcada, antecedência, definitivamente não lhe agradam. Dotado de grande criatividade e rapidez de raciocínio, prefere situações de improviso que lhe permitam inovar. Lida com a amizade sem “contrato de exclusividade” e geralmente é amigo de “todos” e não deste ou daquele especificamente. Vincula-se ao “grupo” com o qual compartilha ideias e interesses. Normalmente é o responsável por trazer novos elementos, novas sugestões, costuma ser o mensageiro das novidades. E sempre faz parte de mais de um grupo ao mesmo tempo. O problema nas amizades com Aquário é a total imprevisibilidade. Costuma ter uns “cinco minutos” que faz com que, de repente, ele não esteja mais ali! Foi embora ou tornou-se totalmente alheio e indiferente porque ficou entediado com a festa, com a conversa ou com a relação.

AQUÁRIO DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que seus amigos ousem, vivam experiências inusitadas, sejam autênticos, quebrem a rotina, tenham atitudes imprevistas, mudem as coisas na vida, se renovem, se livrem das situações ou pessoas que os aprisionam. Incentiva seus amigos a quebrarem os padrões, a não terem preconceitos, a desenvolverem a sua capacidade de improvisação, e a manterem o distanciamento das situações. Assim, tende a beneficiar o desapego e espírito de liberdade e a amenizar as amarras, as limitações dos seus amigos.

PEIXES
Idealismo, fantasia e dificuldade de discriminação são marcas piscianas que se reflectem também nas suas amizades. Este signo não costuma ter muita nitidez sobre o que o cerca e muitas vezes se engana construindo – no seu mundo de sonhos – pessoas que não existem na realidade. Empresta a seus amigos características que eles muitas vezes não possuem. A compreensão e a compaixão são caracerísticas fundamentais que quando transpostas para o campo das amizades costuma fazer dele um amigo capaz de realmente “sentir junto”, se colocar no lugar do outro, compartilhar profundamente as alegrias e tristezas. Peixes faz ligações “de alma” que muitas vezes não são expressas do modo mais evidente. Não importa; se você é amigo de um pisciano você “sente” que aquele é um vínculo especial. É comum ele se identificar de tal modo com um amigo que passa a falar, andar, se vestir, enfim, ser como ele. Peixes tem uma tendência a se misturar com os outros, não sabe muito bem definir as fronteiras, os limites. Isso também muitas vezes faz com que doe de si mais do poderia e acabe realmente prejudicado.

PEIXES DÁ A MAIOR FORÇA:
Para que os seus amigos vivam e busquem os seus sonhos e fantasias, vejam as coisas pelo lado “mágico”, para que se isolem de vez em quando, e se aprofundem em si mesmos. Muitas vezes incentiva o lado artístico dos seus amigos, assim como as suas buscas espirituais. Os estimula a buscarem dentro de si as respostas e a conviverem com o silêncio. É comum incentivá-los a deixarem as coisas rolar; a entregar para Deus ou o destino, e não tentar controlar as situações. Assim tende a beneficiar a imaginação e o encantamento e amenizar a crueza da vida dos seus amigos.


fonte: Sem permissão para ver links. Regista te ou Entra